7 passos para montar um portfólio de arquitetura

| Atualizado em 16/02/22 | 6 minutos de leitura

Na hora de montar seu portfólio de arquitetura algumas dúvidas podem surgir, por exemplo: “Como montar seu portfólio de arquitetura?”, “O que colocar no portfólio de arquitetura?” ou “Quantas Páginas Deve Ter um portfólio de arquitetura?”. 

Essa lista apresenta 7 passos bastante simples para montar um portfólio de arquitetura que garantirá que você se apresente como profissional com competência e qualificação para concorrer e ganhar vagas em um mercado de trabalho cada vez mais competitivo. 

Lembre sempre que o portfólio é muito mais que uma maneira de ajudar você a demonstrar suas habilidades profissionais, também é isso, mas vai muito além, sendo um reflexo da maneira como você deseja que os outros vejam a sua imagem, suas forças, suas características que diferenciam você frente a colegas.  

Conte sempre a verdade

Um portfólio é um cartão de visitas no mercado de trabalho e ele precisa não apenas mostrar sua competência enquanto profissional como deve refletir os seus valores pessoais para as empresas com quem você quer trabalhar. Falar a verdade é essencial para quem quer ter uma identidade profissional íntegra. 

Além disso, o portfólio deve ser um atestado visual das suas habilidades como arquiteto e é fácil identificar quando alguém coloca trabalhos e recursos técnicos que não possui quando a parte prática do trabalho for realizada. 

Seja Objetivo

Objetividade é crucial para uma apresentação profissional ser bem sucedida, para isso você deve escolher aqueles trabalhos que ressaltam suas habilidades e melhor se relacionam com a vaga que está sendo pretendida. 

Quer ajuda para abrir uma empresa ou ter um CNPJ?

A Contabilizei é líder em abertura de empresas, deixe seus dados e nossos especialistas entrarão em contato.






TUDO CERTO!

Recebemos suas informações, logo nossos especialistas entrarão em contato.

O portfólio pode ter quantas páginas forem necessárias para evidenciar suas capacidades profissionais, mas se você estiver com cerca de quarenta páginas talvez seja hora de reduzir algumas coisas desnecessárias. 

Um portfólio objetivo e organizado demonstra a sua organização e capacidade de simplificar os problemas no trabalho e ajuda que seu contratante possa conhecer o que realmente importa na sua profissão o mais rápido possível.

Valorize a apresentação do seu trabalho

O seu portfólio é a sua identidade profissional visualmente, então é importante escolher uma formatação para ele que ajude seu trabalho a se destacar, você pode utilizar imagens 3D, croquis, plantas ou o que for fortalecer a melhor impressão possível do que está sendo apresentado, além disso é importante fazer as características do trabalho corresponderem com aquilo que vai ser mostrado. 

portfolio-de-arquitetura-mesa-arquitetura

Dê espaço para cada informação que você quer apresentar sobre seu trabalho ser absorvida, é muito importante demonstrar suas habilidades de distribuição espacial, diagramação e senso estético pois essas são diretamente ligadas ao trabalho do arquiteto. 

Valorize e invista bastante tempo pensando, planejando e desenhando um portfólio que reflita o bom gosto visual que você quer demonstrar a partir do seu trabalho, não só em como ele é, mas como ele é visto e percebido pelas empresas, contratantes e colegas de profissão. 

Conte a sua história

É importante que quem vá te contratar conheça a pessoa que está se candidatando a vaga e por isso seu portfólio precisa refletir quem você é e qual a sua trajetória profissional. 

O currículo vitae está junto do portfólio, mas uma boa apresentação das suas ideias e do seu trabalho dizem muito sobre quem você é e qual pode ser a diferença na maneira como as outras pessoas vão perceber e receber o seu trabalho.

Você precisa organizar a apresentação dos seus projetos com o intuito de valorizar a sua narrativa sobre seu trabalho, uma história precisa de um bom início para fisgar o público, então não tenha medo de colocar seu melhor trabalho na frente. Depois disso, é uma questão de trabalhar com a expectativa construída. 

Distribua aqueles trabalhos que você considera melhor pelo portfólio, agrupá-los pode enfraquecer sua história, equilibre os atributos que você deseja mostrar que possui no seu trabalho. 

Demonstre conhecimento teórico sobre a área

Não apenas mostrar o que você fez mas mostrar como você fez, qual suas ideias sobre o seu trabalho e o quão mais você pode fazer a partir de conhecimento é fundamental, além de apresentar a sua formação acadêmica, colocar desenhos de projetos que não foram executados mas que demonstrem suas habilidades enriquece seu portfólio mostrando toda sua capacidade para a vaga desejada. 

Para ter um diferencial frente ao mercado de trabalho é importante sempre se manter atualizado das tendências atuais e sempre demonstrar que está se aperfeiçoando em pós-graduações, especializações e cursos que coloquem suas habilidades na linha de frente daquilo que o mercado exige.

É fundamental que você traduza todo esse aprendizado e formações na maneira como você apresenta seu trabalho, porque a identidade que você quer demonstrar como profissional é sempre estar em conexão com a sua área profissional. 

Busque feedback sobre seu portfólio

Feedback é uma ferramenta fundamental para quem olha para o futuro, então estar aberto a críticas e sugestões sobre seu portfólio é sempre importante, entender suas forças e aquilo que pode ser melhorado na maneira como você apresenta seu trabalho é uma maneira de fazer cada vez melhor.

Então buscar feedback de colegas de profissão e amigos é uma estratégia interessante para melhorar a qualidade do seu portfólio.

Divulgue seu portfólio ao máximo

Aprimorar seu portfólio até se tornar a melhor apresentação possível de seu trabalho não basta mandar para empresas do ramo e acreditar que acontecerá tudo em um passe de mágica. 

É importante enviar para colegas e conhecidos para que seu portfólio seja um cartão de visitas do seu trabalho e que o máximo de gente o conhecerá. 

Além disso, é importante atualizar suas informações e trabalhos para sempre estar preparado para os próximos passos da sua carreira.

Depois de realizar estes 7 passos, ter um excelente portfólio, contatos e divulgação feitos, chega a hora de se preparar para receber clientes. Mesmo que você trabalhe sozinho, para prestar serviços para pessoas físicas e jurídicas você precisa ter um CNPJ

Antigamente isso poderia ser um problema, algo trabalhoso e lento, mas a contabilidade online mudou totalmente esse quadro.  

A Contabilizei ajuda você a abrir a sua empresa de forma rápida e fácil, além de cuidar de toda sua contabilidade com maior eficiência e custos menores. 

A Contabilizei abre a sua empresa com o menor custo

A Contabilizei faz todo o processo de abertura da sua empresa para que ela fique 100% regularizada com o mínimo de impostos. Cuidamos de toda a burocracia enquanto você economiza tempo e dinheiro.

ABRIR MINHA EMPRESA GRÁTIS

"Tornou o processo de abertura e gerenciamento da minha empresa muito simples e fácil. Plataforma única, onde consigo tudo que preciso, suporte extremamente eficiente e ágil." Leandro Bernardo - cliente Contabilizei

A Contabilizei abre a sua empresa com o menor custo
Guilherme Soares

Escrito por:

Guilherme Soares

Guilherme é engenheiro formado pela Universidade de São Paulo com mestrado em administração de empresas pela London Business School. Guilherme atuou como consultor de estratégia de negócios na Bain & Company e liderou áreas de estratégia comercial e produtos na Latam Airlines Cargo e Cielo. Iniciou na Contabilizei em 2018.

Deixe um comentário

avatar