Gestão financeira para pequenas empresas: o que é e como fazer?

| Atualizado em 11/08/21 | 6 minutos de leitura

Se está entrando dinheiro no caixa da empresa é porque o negócio está indo bem. Esta é uma ideia comum a muitos brasileiros, mas será verdade? Empresários, mesmo dos menores negócios, são pessoas pelas quais passa um volume grande de recursos – mais do que uma família de renda média está acostumada a ver nas contas de casa.

Mas este é um ponto importante para você analisar: o dinheiro está apenas “passando” pela sua empresa, ou está ficando? Sim, porque por melhor que seja o faturamento, o lucro mesmo só aparece no final de uma boa análise financeira – e é aí que entra a necessidade de olharmos para isso.

Note que não é vergonha nenhuma você perceber que, mesmo tendo visão de empreendedor, não está com essa bola toda na gestão financeira. É aí que entram determinados apoios que você pode contratar. Conheça o Contabilizei Experts, um serviço que lhe entrega toda a análise que é necessária para manter a saúde financeira do seu negócio.

O que é gestão financeira de uma empresa? 

Quando você tem gestão das finanças do seu negócio, você consegue responder a pergunta que fizemos no começo do texto sem pestanejar: o dinheiro está ficando na sua empresa?

Gestão, por si só, é o processo de gerenciar alguma coisa – é quando você está atento aos dados que o negócio fornece, tomando decisões embasadas na clareza que estas informações lhe possibilitam.

Diferente de conseguir responder a nossa pergunta é dizer que hoje tem dinheiro em caixa, então é possível adquirir um novo equipamento, por exemplo, mas não ter certeza de que no final do mês ainda haverá recursos para pagar funcionários e comprar mais matéria prima. Trata-se de poder planejar o futuro do negócio – e é preciso ter informações realistas para que isso funcione. 

Quer ajuda para abrir uma empresa ou ter um CNPJ?

A Contabilizei é líder em abertura de empresas, deixe seus dados e nossos especialistas entrarão em contato.






TUDO CERTO!

Recebemos suas informações, logo nossos especialistas entrarão em contato.

gestao-financeira-homem-digitando

Qual é o objetivo da gestão financeira em uma organização? 

A intenção de se investir tempo e dinheiro na gestão financeira do seu negócio é justamente garantir que as decisões sejam tomadas de acordo com a real situação em que o negócio se encontra. Saber quando investir, quando manter os recursos guardados porque o período não está tão vantajoso, conhecer as dificuldades e as vitórias que a empresa tem.

Ora, esta é uma das partes mais importantes da gestão da empresa como um todo: é o coração do seu negócio! É ótimo ter uma marca vibrante, conseguir engajar os clientes, manter um número de vendas legal: mas nada disso manterá sua empresa em atividade caso as finanças não suportem este sucesso todo. 

Mas eu posso ter clientes e não ter lucro? Pode sim. Quando a gente comenta que determinado produto ou serviço está muito barato, muitas vezes aquele empresário que administra o negócio nem se deu conta de que está praticando valores que vão comprometer a saúde financeira – e algumas vezes vão acabar levando ao fechamento das portas como única saída. 

gestao-financeira-grafico

Como fazer a gestão financeira de uma pequena empresa? 

As primeiras informações que você precisa manter para ter o mínimo de gestão financeira são um fluxo de caixa e um balanço mensal de faturamento. Com esses dois levantamentos, o dono de uma pequena empresa consegue manter certa consciência sobre a saúde financeira – e dar passos mais acertados para a gestão.

Embora de conceito simples, o fluxo de caixa é muitas vezes deixado de lado. Trata-se de registrar todos os valores que entraram e saíram em um determinado período, geralmente tendo o mês como referência. Quando você faz esse tipo de levantamento também toma consciência de que as contas da sua empresa são diferentes das suas contas de pessoa física, que não podem ter um entra e saí de dinheiro sem que ninguém saiba muito bem porque foi feita a retirada ou de onde apareceu uma entrada sem sentido.

Já o balanço mensal de faturamento é um documento que faz parte da contabilidade da empresa, mas que ajuda muito o empresário nas análises sobre onde foram investidos os recursos e de que forma retornaram, ou não, para a empresa. É essencial que o empresário efetivamente aplique este conhecimento que adquire ao analisar os dados financeiros, olhando para o negócio de forma a identificar potenciais economias, por exemplo, ou ainda mantendo uma reserva financeira para momentos de necessidade.

É também a partir deste tipo de procedimento que a consciência do empresário sobre como tratar a gestão do CNPJ cresce – e muitas vezes é este passo que faltava para a empresa também crescer. 

Quem faz a gestão financeira de uma empresa?

A gestão, como comentamos antes, é feita pelo empresário, ele mesmo. É dizer que, embora a coleta de dados do negócio passe por diferentes setores do negócio, e especialmente a contabilidade possa oferecer subsídios para as decisões, é o dono do negócio quem define o que fazer com todas essas informações – e, no final do processo, é disso que se trata a gestão financeira.

Se você não se sente tão preparado para tomar as decisões a partir dos relatórios, há treinamentos disponíveis ou mesmo equipes externas que podem ser contratadas para ajudar a guiar seus passos. De qualquer forma, é preciso que o empresário saiba que somente ele pode guiar o negócio de acordo com sua visão.

Vindos dos processos de apuração de impostos, os dados contábeis trazem um retrato fidedigno das finanças do negócio – e por isso mesmo é tão importante ter um bom escritório atuando neste setor. Recebidas as informações, o gestor deve planejar maneiras de utilizar os recursos disponíveis para manter e fazer crescer o negócio. 

Podemos dizer que quem está com esta etapa bem feita tem tanta clareza que, por vezes, até encerra um negócio. Não é o desejo do empresário, mas a realidade nem sempre se dá conforme o planejado. Este mesmo empresário pode identificar outros negócios em potencial, e investir novamente, de forma a buscar uma empresa economicamente viável – e, finalmente, de sucesso. 

Perceba que identificar problemas financeiros é tão importante quanto manter bons fornecedores ou atuar para que os clientes estejam com você: é possível, a partir da organização realista do negócio, buscar opções de crédito para resolver pendências, encontrar um novo sócio que complete o time e traga recursos – existem várias saídas quando se percebe que o negócio tem futuro

A Contabilizei abre a sua empresa com o menor custo

A Contabilizei faz todo o processo de abertura da sua empresa para que ela fique 100% regularizada com o mínimo de impostos. Cuidamos de toda a burocracia enquanto você economiza tempo e dinheiro.

ABRIR MINHA EMPRESA GRÁTIS

"Tornou o processo de abertura e gerenciamento da minha empresa muito simples e fácil. Plataforma única, onde consigo tudo que preciso, suporte extremamente eficiente e ágil." Leandro Bernardo - cliente Contabilizei

A Contabilizei abre a sua empresa com o menor custo
Heitor Barcelos

Escrito por:

Heitor Barcelos

Heitor é formado em Ciência da Computação pela PUC-RS, ocupou cargos como Diretor Executivo e COO em empresas multinacionais como FIS e iZettle, e foi Superintendente de Inovação, Banco Digital e Open Banking no Tribanco. Heitor lidera a área de Serviços Financeiros na Contabilizei desde Setembro de 2019.

Deixe um comentário

avatar